Centenas de jovens anticapitalistas se reunem esse fim de semana

Jovens de todo o Estado do Rio participarão, a partir de sexta-feira (18), do Acampamento Anticapitalista das Juventudes, em Guapimirim.  O espaço auto-organizado é uma iniciativa nascida do encontro, a partir das mobilizações de junho, de diversos movimentos sociais que atuam na luta antiproibicionista, estudantil, por cultura popular, feminista, anti-homofóbica e agroecológica.

Na programação, estão presentes temas como poder popular, caracterização da juventude, oficinas culturais, opressão das mulheres, negros e negras e LGBTs, além do debate sobre ecologia radical.

Seu objetivo é ser um espaço livre de opressões, em que a nova geração política brasileira consiga elaborar novas formas de ação, luta e organização, somando a experiência histórica dos movimentos sociais com a ousadia de novas experiências nas áreas de comunicação, cultura e manifestações populares.

A proposta do Acampamento surgiu a partir da realização de dois seminários desde junho, convocados pelos coletivos nacionais de movimento estudantil universitário Levante! e Rompendo Amarras, que elaboraram uma análise comum da realidade brasileira atual e das tarefas da juventude no próximo período. Veja AQUI.

A inscrição poderá ser realizada, até sexta-feira, por aqui . Abaixo, a programação:

Programação do Acampamento

Sexta – 18/10

14h – Credenciamento – IFCS – UFRJ (Largo de São Francisco, nº 1, Centro do Rio de Janeiro)

Teleconferência Internacional:

Juventudes indignadas no mundo: somos 99%, e amanhã vai ser maior!

19h – Não são só 20 centavos! Da luta da tarifa à greve da educação

20h30 – Apresentação/divisão de brigadas

21h30 – Transporte em ônibus até o local do Acampamento (Custo incluído na inscrição).

23h – Chegada no local/ acomodação/ confraternização

Sábado – 19/10

7h- 9h – Café da Manhã

9h – Espaço auto-organizado de mulheres

10h30 – Fórum: O Direito à Cidade, Estado e Criminalização

12h – Grupos de Discussão (GD´s) sobre o tema

13h – Almoço

15h – Fórum: Quem é a Juventude Brasileira? O novo cenário pós-junho, novos métodos/ formas de atuação e o desafio da construção do Poder Popular

15h40 – Grupos de Discussão (GD´s) sobre o tema

17h – Lanche

17h30 – Espaço para atividades e reuniões organizadas por cada movimento e frente de atuação

20h – Espaço auto-organizado LGBTs

21h30 – Jantar

23h00 – Festa

Domingo – 20/10

7h- 9h – Café da Manhã

9h – Espaço auto-organizado de negras e negros

10h30 – Painel com apresentação dos diferentes movimentos e frentes de atuação

11h30 – Debate nas frentes e movimentos sobre a organização de um coletivo de juventudes

13h30 – Almoço

14h30 – Não ao leilão de libra! Desafios contra a privatização e a construção da luta ecológica radical

15h30 – Plenária Final e avaliação coletiva do espaço

19h – Jantar

20h – Oficinas de preparação para o ato “O Petróleo é nosso! Não à privatização!”

Segunda – 21/10

7h – Partida dos ônibus para o ato “O Petróleo é nosso! Não à privatização!”

Inscrição (obrigatória, para dimensionarmos a comida/transporte etc.):

https://docs.google.com/forms/d/1GRU5A4SzYeD60sgRGhg_6GhYGQxLOYRqfG6nYGGvln4/viewform

Mais informações AQUI