Uruguai 3 x 0 Brasil

O Uruguai não encanta apenas nos gramados do futebol. No respeito às liberdades individuais, nosso vizinho ao sul fronteira ganha do Brasil de goleada. Assim, ativistas do Movimento Pela Legalização da Maconha (MLM), do Cultura Verde e do Rua – Juventude Anticapitalista organizaram a manifestação “Uruguai 3 X 0 Brasil – Ato pela Legalização do Aborto, da Maconha e do Casamento Igualitário”.

O local escolhido para a manifestação foi a Rua Uruguaiana, no Centro do Rio. Os participantes do ato ainda comemoraram a emocionante classificação da seleção uruguaia para as oitavas de final da Copa do Mundo. Mas, se no campo de futebol a vitória foi sofrida, no cenário político o time de José Mujica está dando uma lavada no Brasil. Confira em detalhes os golaços do Uruguai:

1 X 0

No final de 2012, o Uruguai se tornou o primeiro país a legalizar o aborto na América do Sul. Desde então, cerca de 7 mil interrupções da gravidez foram realizadas, sem registros de mortes. Por outro lado, em países em que a intervenção não é legalizada, inúmeras mulheres morrem ou ficam com sequelas pelo resto de suas vidas após abortarem em locais inadequados, com profissionais não capacitados. No Brasil, os abortos clandestinos são a quinta causa de morte materna!

2 X 0

No ano seguinte, nosso vizinho deu um grande passo para a causa LGBTT: foi aprovado o casamento igualitário entre homossexuais, garantindo que qualquer casal possa se casar, usufruindo dos mesmos direitos e obrigações garantidos em lei.

3 X 0

Mais recentemente, foi a vez de legalizar a maconha. Como essa é a droga ilegal mais utilizada e comercializada, foi sem dúvidas um grande avanço na luta pelo fim da guerra às drogas. Desde então, não foram registradas mortes relacionadas ao uso ou ao comércio da cannabis.