PME em debate na Câmara Municipal

O Plano Municipal de Educação já deveria ter sido aprovado há dois anos pelos municípios de todo o Brasil. Aqui no Rio de Janeiro, o atraso se deveu, em um primeiro momento, à demora do Poder Executivo em enviar o texto, que deveria ser apreciado pelos vereadores – o que aconteceu em fevereiro do ano passado, 8 meses após a data limite para a aprovação.

Infelizmente, mesmo a chegada tardia não foi motivação suficiente para garantir que os debates necessários fossem feitos. Agora, quase um ano depois, a Câmara começou a debater, de forma efetiva, o Plano. Audiências Públicas foram convocadas para discutir pontos específicos e fundamentais para que o PME se torne o que queremos para a educação carioca nos próximos 10 anos. Em meio a esse ciclo de debates, no qual a demanda apresentada por profissionais da educação é de que essas questões pudessem ser discutidas nas escolas, o Prefeito Crivella encaminhou à Casa um pedido de que o PME seja votado em Regime de Urgência.

Em discurso no plenário, Renato Cinco criticou a Prefeitura:

“Queria, aqui, fazer um apelo aos senhores vereadores e às senhoras vereadoras: não permitam que o Plano Municipal de Educação seja aprovado com a pressa que o Prefeito Marcelo Crivella quer que seja aprovado. Não vistam a carapuça, mais uma vez, de uma Câmara que simplesmente obedece às ordens do Prefeito. O povo do Rio de Janeiro não quer uma Câmara subserviente ao Prefeito. O povo do Rio de Janeiro quer uma Câmara Municipal que faça o debate democrático com a sociedade. O Plano Municipal de Educação não pode ser votado sem ser debatido nas escolas e nas CRE”, afirmou Cinco.

Assista o discurso aqui:

Na semana passada, na quinta-feira (03), o tema tratado foi a Educação Especial – assista aqui a Audiência na íntegra:

Estão previstas ainda duas Audiências Públicas. Na sexta-feira (12), às 14h, haverá a discussão sobre a valorização dos profissionais da educação [https://www.facebook.com/events/191690164685398/], em que questões relativas à autonomia pedagógica, bem como à participação dos educadores e da comunidade escolar na elaboração do plano, serão pautadas.

Veja aqui a convocação feita pelo nosso mandato:

https://www.facebook.com/renatocinco/videos/1377138255699240/

Há ainda uma última Audiência prevista, que tratará dos temas educação infantil e financiamento da educação. Será no dia 19/5 (sexta-feira), também às 14h.