Marcha Popular do Clima

Furacões, inundações, secas prolongadas e incêndios florestais, consequências das mudanças climáticas, são cada vez mais comuns. Esses fenômenos não são naturais, mas decorrentes de um sistema predatório de desenvolvimento.

Numa sociedade de desiguais, os danos causados ao meio ambiente também são sentidos de forma desigual e é a população mais pobre quem primeiro paga a conta. Preocupados com a situação, coletivos, ambientalistas e ecossocialistas estão convocando a Marcha Popular do Clima, que esse ano será realizada no dia 12 de novembro (domingo), em diversos países do mundo. No Rio de Janeiro, a Marcha acontecerá a partir das 10 horas da manhã, no Posto 6 (Praia de Copacabana).

Nesta terça-feira (24), o vereador Renato Cinco destacou a importância da realização da Marcha Popular do Clima na Câmara Municipal. Além disso, foi exibido mais um episódio da série “Ciência do Clima em Gotas”, produzida pelo blog O Que Você Faria se Soubesse o Que Eu Sei?, do professor Alexandre Araújo Costa, que tratou das principais emissões de carbono no globo.

São diversos os setores da economia que contribuem para a emissão desses gases, mas numa escala mundial, o fator mais determinante é a geração de eletricidade. Usinas termelétricas a carvão, óleo ou gás natural respondem por 21,3% dessas emissões, seguida pela indústria siderúrgica (16,8%) e pelo sistema de transporte terrestre, aéreo e aquático (14%), que além de grandes engarrafamentos, produzem também o aquecimento global.
No Brasil, é o desmatamento quem mais contribui para a emissão de gases de efeito estufa, seguido do setor de energia que hoje explora petróleo e pré-sal.

Com o objetivo de dar visibilidade à crise climática que já afeta milhões de pessoas no mundo, principalmente pobres e negras, Cinco enfatizou a necessidade de voltarmos os olhos para a questão ambiental. “Eu venho sistematicamente ocupando esta tribuna com o objetivo de divulgar a Marcha Popular do Clima de 2017”, destacou o vereador.

Saiba mais: www.fmclimaticas.org.br | oquevocefariasesoubesse.blogspot.com.br/

Veja a íntegra do discurso:

Participe da Marcha Popular do Clima