Dia Internacional dos Direitos Humanos

No dia 10 de dezembro é celebrado o “Dia Internacional dos Direitos Humanos”. Entretanto, realidade não permite comemorações. A desigualdade social bate recordes e os direitos mais elementares continuam a ser violados em todo o mundo.

Em discurso no plenário, o vereador Renato Cinco apontou a política de guerra às drogas como a principal causa de violações dos direitos humanos no Brasil.

“A Guerra às drogas produz violência, especialmente contra aqueles que têm o perfil estigmatizado como o perfil do traficante de drogas: jovens, negros, das favelas e das periferias sofrem cotidianamente com a discriminação”, afirmou

Durante o discurso, o vereador exibiu dois vídeos. O primeiro foi gravado no último dia 05, na favela da Maré. O material mostra crianças se protegendo dos tiros disparados pelo helicóptero da polícia.

“Aquelas crianças ficaram cinco horas deitadas no chão dentro da escola. A polícia militar obrigou aquelas crianças a ficarem deitadas cinco horas, em pânico, com medo de serem baleadas pelo caveirão do ar”, declarou Cinco.

O segundo vídeo exibido divulgou a campanha “CAVEIRÃO NÃO: FAVELAS PELA VIDA E CONTRA OPERAÇÕES!”.

“Não é o combate ao tráfico de drogas. O objetivo é manter a população, que mais precisa lutar por direitos, aterrorizada e paralisada”, criticou Cinco.

Veja a íntegra do discurso: