CPI da ciclovia já tem assinaturas para ser aberta

Estamos a poucos passos de instalar a CPI da Ciclovia, na Câmara do Rio. Na tarde de terça-feira (28), o vereador Renato Cinco conseguiu as dezessete assinaturas para a abertura da Comissão Parlamentar de Inquérito que visa investigar a situação da ciclovia Tim Maia.

Inaugurada em janeiro de 2016, a via já desabou duas vezes. Em uma das ocasiões, a queda da ciclovia causou a morte de duas pessoas. Ronaldo Severino da Silva e Eduardo Marinho Albuquerque passavam pelo local no momento do desastre. Na madrugada do dia 15 de fevereiro, uma forte chuva que atingiu a cidade afundou outro trecho da via, na altura de São Conrado. Por sorte, não houve feridos.

Na justificativa do pedido de CPI o vereador defendeu que: “A Ciclovia Tim Maia foi inaugurada em 17 de janeiro de 2016. Desde então foram dois episódios de desabamento da mesma, o primeiro em 21 de abril de 2016 provocou a morte de duas pessoas. O segundo em 15 de fevereiro de 2018 não deixou vítimas.

É atribuição do Poder Legislativo a fiscalização dos atos do Poder Executivo, diante dos fatos essa Câmara precisa cumprir seu dever, investigar e prestar contas à sociedade sobre tamanho desprezo com o patrimônio público e a vida das pessoas.”

Agora, a instalação da CPI depende do deferimento do presidente da Câmara, que pode aceitar ou rejeitar o documento.