Ex-secretários de Paes devem depor na CPI da Ciclovia

Os membros da CPI que visa apurar os sucessivos desmoronamentos na Ciclovia Tim Maia, já encaminharam convocação a dois ex-secretários de Eduardo Paes, prefeito responsável pela construção da via, que caiu duas vezes, e em uma das quedas causou a morte de duas pessoas.

Os ex-secretários convocados são Alexandre Pinto (obras) e Carlos Alberto Muniz (meio ambiente). Os dois ainda não responderam, mas poderão ser conduzidos coercitivamente, caso se recusem a comparecer.

O presidente da Comissão, o vereador Renato Cinco (PSOL), também apresentou em plenário requerimento para prorrogação por mais 60 sessenta dias da Comissão. O requerimento deve ser aprovado em plenário.

A Comissão também já obteve a confirmação de que o ex-presidente da Geo-Rio Marcio Machado comparecerá em uma das nossas reuniões da CPI. A data ainda será confirmada.

A primeira queda da ciclovia Tim Maia ocorreu meses após a inauguração e resultou na morte do gari comunitário Ronaldo Severino da Silva de 60 anos e do engenheiro Eduardo Albuquerque de 54 anos. A segunda queda foi em fevereiro deste ano e até a presente data nenhuma obra de reparo foi feita. A ciclovia permanece interditada.